Conectar com

Curitiba e região

Vendedor morre após se negar a entregar carro para bandido

Criminoso achou pouca a quantia entregue pela vítima e o executou após ele se negar a entregar o carro que usava para trabalhar

Publicado

em

Foto: Banda B

Um jovem de 24 anos, que trabalhava como segurança, morreu ao reagir a um assalto no início da noite desta segunda-feira (3). Ele vendia churros, segunda profissão que escolheu para aumentar o orçamento, quando acabou abordado por um homem armado, na Rua Odete Cincora Pereira da Cunha, no bairro Jardim Nesita, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba. As informações são da Rádio Banda B.

Ao defender o material utilizado para o trabalho autônomo, o jovem, casado e pai de dois filhos de três e sete anos, acabou baleado.

“Ele entregou o dinheiro, em torno de R$ 30, mas o ladrão disse que era muito pouco. Ao ver que teria o veículo levado, acabou entrando em luta corporal com o bandido e levou dois tiros”, disse o delegado João Chagas em entrevista.

No local, a família do jovem permanecia inconsolável com o que aconteceu, lamentando o fato dele ter sido morto enquanto trabalhava honestamente para sustentar os filhos. O corpo do trabalhador, morador no Centro da cidade metropolitana, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).

A delegacia de Campina Grande do Sul investiga o caso.

Para mais informações de Curitiba e região, acesse a Banda B.

Publicidade

EM 24H: